quinta-feira, 23 de maio de 2013


Como fechar Chakubuku ?

Eu observo nas diversas organizações de Blocos e Comunidades, as dificuldades de fazer com que os convidados tomem a decisão de receber o Gohonzon e oficialmente tornarem budistas, assumindo responsabilidades.

Neste momento, se resolverem, todos os que estão na prática provisória, resolverem receber o Gohonzon, O “Rio + 10” poderia concluir sua vitória.

Apesar de que já havia dito no artigo “Como concretizar Chakubuku”, não estão fazendo direito esta fase importantíssima de processo de conversão.

Início.     Logo após a explicação inicial, deve prosseguir a leitura do Sutra de Lótus, nos capítulos Hoben, Jigague e Daimoku. Porque, os budistas fazerem  Gongyo todo dia, não budistas não fazem. Se os não budistas fizerem  Gongyo todo dia não tornariam budistas ? Então, não fiquem só nas explicações, Comece logo a parte essencial.

Execução de 100 dias de prática provisória.     O ponto mais importante do processo de conversão é esta experiência de 100 dias de Gongyo completo sem falta. Porque, o que convence e motivar os iniciantes  para receber Gohonzon é o benefício inicial. Para que os iniciantes conseguem os benefícios, seria indispensáveis praticar Gongyo e Daimoku sem falta. Se você conduzir os iniciantes estes 100 dias, acompanhando de perto, antes de completar o prazo, todos irão experimentar os benefícios naturalmente. E eles poderão ter condição de tornar oficialmente budistas.

Linha divisória.     As pessoas de prática provisória não são budistas ainda. O que faz eles tornarem oficialmente budistas é o recebimento de Gohonzon. Mas, antes, tem uma coisa muito importante.

O Budismo de Nitiren Daishonin é muito rigoroso na prática da fé exclusiva da mente e ação, uma vez tornando budista, não pode mais continuar frequentando outras religiões, nem pode sentir atraído. Porque se não fazem assim, o caminho para vida feliz ficaria obstruída. Conscientizar este fato importante é a missão de apresentadores e dirigentes. Se abreviar este passo, haverá problemas, mais tarde.

Causa de não conversão.     Quando os iniciantes demonstra resistência para conversão, tem seus motivos: “Ainda não estou preparado”. “Não posso abandonar meu Deus”. “Foi desejo da minha mãe, seguir a religião”. Etc.  Sejam quais forem os motivos, têm que eliminá-los, antes de ir ao passo seguinte.

Grande maioria das vezes não sentiram força do Gohonzon, não praticaram firmes suficientes, Não fizeram Gongyo todos os dias. Não participaram das reuniões e encontros.

Daí, voltamos reconhecer quanto é importante os acompanhamentos.

CONCLUSÃO: Não vamos errar os detalhes de passos, unindo ao torno do líder central e concretizar tão almejado  “Rio + 10” que Sensei está esperando !!!                                    Maio de 2013.                    Eiichi Sago.

 

Para nunca esquecer !

"O que é importante para um líder? É seu avanço diário no sentido de reformar sua própria vida. Uma pessoa presunçosa e imprudente que não se empenha em desenvolver a si mesma e trata os companheiros sem benevolência não pode ser considerada líder da Soka Gakkai.     Daisaku Ikeda.     Maio de 2013.     Eiichi Sago.

 

Chakubuku, bem feito e mal feito.

Para que? E porque fazemos Chakubuku?  Fazemos Chakubuku para salvar as pessoas. Encaminhando e ensinando prática do budismo de Nitiren Daishonin, pessoas podem aprender viver feliz nesta vida.

E mesmo tempo, você que faz este esforço de salvar as pessoas, também acumula grande boa sorte e viverá feliz nesta vida.

Chakubuku sempre foi uma prática importante do budismo de Nitiren Daishonin, não é só agora na época de campanha especial.

Agora, existe Chakubuku bem feito e mal feito, como todas outras coisas de atividades humanas.

Se é que realmente salvar as pessoas, você tem que apoiar, ensinar, orientar e cuidar os candidatos com muito carinho.

No começo da prática, tudo é novidade, têm muitas dúvidas, se não houver acompanhamento dedicado, as pessoas desanimam e desistem fácil, antes de ser salvo. Então não satisfaz objetivo fundamental que é salvar as pessoas.

Fazer Chakubuku só para conquistar maior quantidade de convertidos, seria completamente desviado do objetivo fundamental. Número de conversão é uma comprovação da dedicação e união de sua organização.

Então, vamos fazer bastante chakubuku, para salvar bastante pessoas e acumular bastante boa sorte na sua vida.

Abril de 2013.          Eiichi Sago.

 

Manifestação.

François-Auguste-René Rodin, artista francês do século XIX disse:
“Manifeste a verdade de maneira expressiva e profunda."
"Assim feito, certamente os companheiros virão até você porque o que é verdadeiro e profundo para uma pessoa é também para todas as outras.” Exatamente! Uma vida é prazerosa quando se fixa o olhar claramente na verdade e a expressa sem hesitar".


Daisaku Ikeda                                Maio de 2013.   Eiichi Sago.

 

Para que sermos Budistas ?

"Para que sermos budistas se não nos melhoramos em nada? Para viver fracassadamente, não há necessidade de religião. Se abraçamos o budismo, se abraçamos a filosofia, se somos reais adeptos de Nitiren Daishonin, não podemos viver de forma fracassada, temos que vencer, temos que superar nossos problemas, temos que justificar a nossa existência com realizações! Analisemos nossa prática, nossa sinceridade nas orações, nossa conduta no dia a dia, procurarmos sempre melhorar e partiremos para o infinito de nossos Sonhos!"               Daisaku Ikeda.

Maio de 2013.          Eiichi Sago.

 

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário